MIMAR - Logo menu 2
MIMAR - Logo menu 3

FLORES TÓXICAS

  • 25-02-2018 3:23
  • MIMAR
  •   Relación con la página inicio.

Identificar as espécies capazes de desenvolver flores de algas tóxicas, bem como os fatores que as desencadeiam, propondo mecanismos de controle, vigilância e coordenação entre as administrações competentes da região. Este objetivo engloba as seguintes atividades:

  • Atividade 2.1. Identificação das espécies capazes de desenvolver flores de algas tóxicas (HABs, Harmfull Algae Blooms) e sua distribuição na região.
  • Atividade 2.2. Estudo da dinâmica dos HAB e dos mecanismos que os originam, determinando o efeito potencial sobre a saúde humana ou o ecossistema marinho e os habitats da rede NATURA 2000.
  • Atividade 2.3. Desenvolvimento de um protocolo de vigilância, alerta e monitoramento coordenado na região, através da criação de um observatório.